em Tratamentos

Esse é o Cadu, e o vendo assim tão saudável e feliz nessas fotos é difícil imaginar que esse simpático cãozinho, de um ano de idade, já teve inúmeros papilomas (verrugas) na boca, todos incidindo ao mesmo tempo. Porém, com tratamento homeopático aplicado ao longo de duas semanas, o cãozinho se livrou de um mal que acomete muitos animais.

Essas lesões, que muitas vezes assustam os tutores devido à aparência, são causadas pelo vírus do papiloma que pode ser passado de animal para animal ao se lamberem ou cheirarem. Como resultado do contágio costumam surgir verrugas benignas com aspecto de “couve-flor” de diversos tamanhos na mucosa (gengiva, céu da boca ou língua, vulva e ânus) ou em locais como nariz e pálpebras.

A veterinária Viviane Reis, da Clínica Integrativa Pet, percebeu que o caso de Cadu poderia ser tratado com homeopatia. Ela explica: “Resolvi instituir tratamento homeopático pois o animal estava com diversos papilomas, não só na gengiva, mas em cavidade oral, e como ele estava superincomodado e, provavelmente, demoraria muito tempo para rescindir sem nenhum tratamento, achei que a homeopatia seria um tratamento bem indicado”.

Segundo a veterinária o resultado do tratamento em Cadu foi excelente: “Logo ele estava recuperado sem nenhuma necessidade de qualquer outra intervenção”.

Vale lembrar que a homeopatia não tem contraindicação, podendo ser usada em animais de diferentes espécies, idades e em problemas diversos. E Viviane ressalta que outros problemas de pele, como abscessos, também respondem bem.

Embora os papilomas sejam mais comuns em cães jovens devido ao comportamento mais brincalhão que os leva a morder e lamber mais outros animais, a doença pode surgir em qualquer idade, inclusive na velhice devido à baixa imunidade por uso de certos medicamentos.

As lesões favorecem a proliferação de bactérias que por sua vez provocam coceira e, muitas vezes o animal ao se coçar, traumatiza a região que também tende a sangrar. Em alguns casos as verrugas regridem naturalmente, mas noutras situações é necessário um tratamento ou até mesmo uma remoção cirúrgica. Existe ainda uma autovacina produzida a partir da verruga do animal.

E atenção: as lesões são contagiosas apenas entre cães, sendo que não passam para os humanos e nem para os gatos.

 

Tratamento sob medida para cães e gatos

A homeopatia pode adotar um tratamento “organicista” ou “unicista”. No caso do primeiro, são prescritos remédios que atingem diretamente os sintomas, quase como “alopatizar” o tratamento, ou seja, trata-se a doença e não o doente. Já a médica veterinária Viviane Reis, costuma adotar a homeopatia conhecida como “unicista” que visa “personalizar” o remédio de acordo com o doente.  Essa base de tratamento reúne o máximo de sintomas (físicos e emocionais) para estabelecer um único medicamento, também chamado de “remédio de fundo do paciente”, “remédio único” ou “similimum”. Esse “remédio único” estimula a força vital para que o organismo se autorregule e se cure de uma forma unificada e integral.

“Quando tratamos de forma organicista buscamos a similaridade dos sintomas com o remédio, mas a forma ideal é sempre buscar o remédio único do paciente. No tratamento de problemas mais crônicos de pele, como por exemplo alergias diversas, é necessário tratar de forma mais unicista. Em alguns casos, quando o animal está bem equilibrado, é possível usar medicamentos pontuais”.

Postagens Recomendadas
Mostrando 6 comentários
  • Rosemary
    Responder

    Muito bom saber….. importante….. esclarecedora

    • Raquel
      Responder

      Importante matéria, bem esclarecedora, sobre as possibilidades de tratamento com homeopatia e não ser contagiosa a gatos e humanos.

  • Lívia de Freitas
    Responder

    Muito interessante, não sabia desse problema canino
    Obrigada

  • Maria Teixeira
    Responder

    Gostava de saber se me conseguem ajudar com o meu animal de estimação tem uma coceira

    • Rodolfo Reis
      Responder

      Oi Maria,

      Podemos ajudar sim, entre em contato para agendar uma consulta: (11) 99424-4286 🙂

  • Vera
    Responder

    Muito interessante quantas novidades e tratamentos para os bichinhos eles merecem . tudo muito. Bem
    Explicado compartilhei com
    Minhas amigas 👍

Deixe um Comentário

× Como posso te ajudar?